terça-feira, 13 de setembro de 2016

PARQUE ESTADUAL SERRA DO MAR – SALESÓPOLIS- SP

0 comentários

LEVEI MEU FILHO
PARQUE ESTADUAL SERRA DO MAR – SALESÓPOLIS- SP

O Núcleo Padre Dória (NPDOR) é o décimo Núcleo do Parque Estadual Serra do Mar, criado em 25 de março de 2014, com áreas pertencentes aos Núcleos São Sebastião, Bertioga e Caraguatatuba.
Devido à importância histórica, cultural e ambiental da região, as áreas foram desmembradas para a formação de um Núcleo no Planalto com a finalidade de facilitar a gestão e assegurar a proteção da flora, fauna, e das belezas naturais, bem como garantir sua utilização voltada para objetivos educacionais, recreativos e científicos.
Possui área de 26.154,02 hectares, está localizado nas cabeceiras do Alto Tietê, Alto Paraíba e planalto da Serra do Mar, distribuído entre os municípios de Paraibuna, Salesópolis, Biritiba Mirim, São Sebastião, Caraguatatuba e Bertioga.
O nome do Núcleo é uma homenagem ao Padre Manoel de Faria Dória, fundador da cidade de Salesópolis e responsável pela construção da Estrada Dória, que ligava as regiões do Vale do Paraíba e da grande São Paulo ao Litoral Norte Paulista.
LEVEI MEU FILHOA Estrada Dória possui seus traços e vestígios na Serra do Mar, apresentando muitos patrimônios históricos e culturais.


Mountain bike na Estrada do Rio Pardo
Público: ciclistas experientes
Extensão: 70 km
Duração: Média de 3 a 4h
Nível de dificuldade: Alta
A descida pela Estrada do Rio Pardo é uma das mais conhecidas dos cicloturistas de São Paulo, por ser uma das descidas de serra mais bonitas do Estado. A estrada atravessa o Parque Estadual da Serra do Mar, passando pelos Núcleos Padre Dória, Caraguatatuba e São Sebastião, oferecendo vistas impressionantes da Serra do Mar, com rios, cachoeiras e mirantes. No caminho, pode-se observar a Capela de São Lourenço, simbolo do Núcleo Padre Dória, a Pedra do Maracajá, o Mirante da Cruz e banhar-se em cachoeiras do Rio Pardo.
Trilha do Poço Bonito
Público: indicada para observadores de aves experientes e com boa aptidão física
Extensão:9,42 km.
Duração: média de 5 horas, incluindo contemplação.
Nível de Dificuldade: médio/alto.
A Trilha do Poço Bonito apresenta diversidade de espécies ameaçadas de extinção e indicadoras de qualidade ambiental, conhecidas como “espécies guarda-chuva”, como o Corocochó (Carpornis cucullata) e a Araponga (Procnias nudicollis). É indicada para observadores experientes, dispostos a percorrer trechos com travessias pelo Rio Claro e declividades moderadas.
Leve na mochila: água, lanche, repelente, protetor solar, toalha, máquina fotográfica, binóculo.
Vista-se adequadamente: tênis antiderrapante, calça, camiseta, óculos, boné, roupa de banho.

Trilha do Rio Pardo
Público: grupos de escolas e observadores de aves
Extensão: 4,63 Km
Duração: média de 4h, incluindo contemplação
Nível de Dificuldade: médio/alto
Localizada na Estrada do Rio Pardo, seu início se dá pela entrada da antiga Fazenda do Cardoso, também conhecida como Fazenda Rio Pardo, com potencial de contemplação. A trilha é dividida em dois trechos:
- 1° trecho: conhecido como trilha do Gavião Pombo Grande, este é um percurso de 3,6 km, com largura de 3 m, cercada por vegetação de mata ciliar e diversidade de espécies avifauna.
- 2° trecho: conhecido como Poço da Anta, possui percurso de 1 km, com grande potencial para observação de diversas espécies da fauna, principalmente antas. Finaliza nas corredeiras do Rio Pardo.
Curiosidade: O Rio Pardo dá nome à Trilha e à Estrada que corta três Núcleos do Parque Estadual Serra do Mar: Caraguatatuba, São Sebastião e Padre Dória, principal formador da bacia hidrográfica do Rio Juqueriquerê.
Leve na mochila: água, lanche, repelente, protetor solar, toalha, máquina fotográfica, binóculo.
Vista-se adequadamente: tênis antiderrapante, calça, camiseta, óculos, boné, roupa de banho.

Trilha do Balcão
Público: grupos de estudantes e observadores de aves
Extensão: 9,06 km
Duração: média de 5h, incluindo contemplação
Nível de dificuldade: médio
A Trilha do Balcão, ou Trilha do Sal, tem início de forma bem suave, com inclinação leve que facilita o deslocamento. A vegetação é secundária, porém em estágio avançado de regeneração e trechos de florestas de araucárias. A Trilha do Balcão recebe este nome por ter um conjunto de quedas que formam um balcão, com uma grande extensão de areia.
O local possui vestígios históricos, como as ruínas de uma fazenda instalada na antiga Rota do Sal que  segundo a lenda local foi alvo de escavações de aventureiros em busca de tesouros.
As escavações eram feitas em torno das grandes palmeiras e resquícios de plantações de chá (Camellia Sinensis), uma planta oriental trazida por europeus para produção de diferentes infusões. Esta planta também foi largamente difundida na região do Vale do Anhangabaú, em São Paulo, dando origem ao nome “Viaduto do Chá”.

Trilha do Guardião
Público: ideal para grupos de estudantes e melhor idade
Extensão: 4,08 km
Duração: média de 3 horas com contemplação
Nível de Dificuldade: baixo
A trilha do Guardião possui grande potencial para atividades lúdico pedagógicas abrangendo temas relacionados ao meio ambiente e sua conservação, algumas programações temáticas são desenvolvidas ao longo do ano para grupos de estudantes, como: A jornada da água, Trilha Sensorial Pegadas na Mata, Contos e Causos da Mata, Mais que Mel e  Conhecendo para Preservar.
Os Programas de Uso Público em áreas naturais envolvem recreação, educação ambiental e interpretação da natureza. Trilhas interpretativas são utilizadas como meio de interpretação ambiental visando a transmissão de conhecimentos e propiciando atividades que buscam analisar os significados dos eventos observados no ambiente bem como suas características.

Observação de Aves na Estrada e Trilha do Rio Pardo
Público: grupos de escolas e observadores de aves
Extensão: 4,63 Km
Duração: Média de 4h, incluindo contemplação
Nível de Dificuldade: Médio/Alto
A Estrada e Trilha do Rio Pardo se destaca na atividade de birdwatching (observação de aves), por apresentar áreas preservadas de Mata Atlântica Nativa preservada e muita água do Rio Pardo, que acompanha a Trilha até a grande cachoeira do Rio Pardo. O percurso é marcado pela presença se aves ameaçadas de extinção.
O Núcleo Padre Dória do PESM possui um potencial inigualável para a prática de birdwatching. Várias pesquisas realizadas na área da Estação Biológica de Boraceia, região oeste do Núcleo, cita a importância dessa Unidade de Conservação localizada em Mata Atlântica Montana para a proteção das aves do Bioma.
Em função da potencialidade da região a Secretaria de Turismo do Estado de São Paulo incluiu Salesópolis como rota de observação de aves do Estado.


Mais informações:
Tel.: (11) 4696 0981
HORÁRIO DE FUNCIONAMENTO
Consulte pelo email


ENDEREÇO/LOCALIZAÇÃO :

Rua Alferes José Luiz de Carvalho, 550, Centro, Salesópolis - SP.

0 comentários:

Postar um comentário